Blog

Homem brutalmente assassinado com cerca de 20 facadas Portal Zacarias

Homem brutalmente assassinado com cerca de 20 facadas Portal Zacarias , Foi com horror e espanto que os moradores de Parauapebas acordaram na manhã de quarta-feira, 19 de fevereiro, com a notícia de que um homem havia sido brutalmente assassinado com cerca de 20 facadas em uma loja de conveniências na movimentada Rua 15. A vítima, identificada como Wesley Willer Farias Menezes, de 35 anos, teve sua vida ceifada de forma chocante por dois homens que invadiram o estabelecimento portando facas e desferiram dezenas de golpes fatais. O crime bárbaro, ocorrido por volta das 10h15 da manhã no Portal Zacarias, deixou marcas profundas na comunidade local, que ainda luta para processar tamanha . Continue acompanhando a trathantho.com para obter mais atualizações sobre esta história.

Homem brutalmente assassinado com cerca de 20 facadas Portal Zacarias
Homem brutalmente assassinado com cerca de 20 facadas Portal Zacarias

Homem brutalmente assassinado com cerca de 20 facadas Portal Zacarias

Um crime brutal foi cometido na manhã de quarta-feira, 19 de fevereiro de 2024, em uma loja de conveniências na Rua 15, em Parauapebas. A vítima, Wesley Willer Farias Menezes, de 35 anos, foi morta com cerca de 20 facadas, de acordo com as autoridades. O ataque ocorreu por volta das 10h15 da manhã, quando dois homens entraram na loja e esfaquearam Menezes até a morte antes de fugirem a pé.

“Foi um ataque covarde e sem sentido”, disse o delegado Thiago Carneiro Rodrigues, responsável pelo caso. “A vítima foi pega de surpresa e esfaqueada repetidamente. Os agressores demonstraram extrema brutalidade e desprezo pela vida humana”.

Os suspeitos, identificados como Marcos Rogério Amorim Farias e Antônio Rosivaldo da Silva e Silva, ambos com histórico de crimes, foram presos minutos depois a apenas 50 metros do local do crime. Eles portavam as facas ensanguentadas usadas no assassinato.

A motivação para o ataque ainda está sob investigação. Menezes, que morava nas ruas de Parauapebas, era conhecido na região como uma pessoa respeitosa, apesar das dificuldades que enfrentava.

“Ele sempre foi muito educado e prestativo”, disse uma amiga que preferiu não se identificar. “Às vezes pedia para tomar banho em minha casa. Não consigo entender por que alguém faria algo tão terrível com ele”.

Homem brutalmente assassinato com cerca de 20 facafas em loja de conveniência.

A chocante que tirou a vida de Wesley Menezes na manhã de quarta-feira está sendo amplamente condenada por moradores de Parauapebas. O homem de 35 anos foi morto com cerca de 20 golpes de faca dentro de uma loja de conveniência na movimentada Rua 15, no centro da cidade.

“Foi uma cena horrível, havia sangue por toda parte”, disse um transeunte que testemunhou a corrida dos suspeitos para fora da loja depois do ataque.

Imagens de câmeras de segurança mostraram dois homens, mais tarde identificados como Marcos Farias e Antônio Silva, entrando na loja por volta das 10h15. Cerca de dois minutos depois, eles são vistos saindo apressadamente, com Farias segurando duas facas ensanguentadas.

“Eles pareciam muito tranquilos e normais ao sair depois de cometerem um ato tão bárbaro e desumano”, disse o delegado Carneiro Rodrigues. “Isso mostra uma frieza preocupante e um desprezo alarmante pela vida”.

Contexto da vítima Homem brutalmente assassinado

Wesley Menezes, a vítima fatal do ataque na loja de conveniência, morava nas ruas de Parauapebas há alguns anos, segundo amigos. Apesar das dificuldades que enfrentava, ele era visto como uma presença gentil e respeitosa na comunidade.

“O Wesley sempre foi muito educado quando pedia algumas moedas ou comida”, disse a dona de uma lanchonete perto de onde ele costumava dormir. “Ele nunca incomodou ninguém. É uma tragédia o que aconteceu”.

Uma mulher que se identificou apenas como amiga próxima de Menezes contou que ele occasionalmente pedia para tomar banho em sua casa. “Às vezes também pedia para passar a noite se estivesse muito frio. Mas nunca exigiu nada. Ele era muito doce e tinha um bom coração”, disse.

Essa mesma mulher expressou sua revolta com o brutal assassinato de Menezes. “Meu sentimento é de tristeza, indignação. Penso na dor da mãe e dos irmãos dele. Um desses homens já havia tentado matá-lo antes. Agora conseguiu tirar a vida dele de forma covarde e cruel. É revoltante”.

Reação de amiga da vítima Homem

A morte brutal de Wesley Menezes na manhã de quarta-feira causou comoção entre amigos e conhecidos em Parauapebas. Uma mulher que era amiga próxima da vítima falou sob condição de anonimato sobre sua tristeza e indignação.

“Quando soube que haviam matado o Wesley, corri até a loja. Passsei pelos assassinos sem saber que eram eles. Perguntei o que tinha acontecido e eles responderam com frieza: ‘Matamos ele. Pra respeitar'”, contou a amiga.

Visivelmente abalada, ela lamentou a perda do homem que descreveu como “muito respeitador, uma pessoa direita”. Disse que sua morte é uma grande perda para a comunidade.

“O meu sentimento é de revolta por tirarem a vida dele de forma tão cruel. O Wesley não merecia isso. Ele sempre foi um homem bom, apenas estava passando por dificuldades”, desabafou. “Penso na dor da mãe, dos irmãos e de todos que o conheciam. É uma tragédia. Quero justiça”.

A comoção com a morte de Menezes ilustra o impacto que o brutal assassinato teve entre os moradores de Parauapebas. Existe uma sensação de insegurança diante da chocante do crime e pedidos por justiça se multiplicam.

Back to top button